O retorno


Karen Minatto

Desaba a gota na poça do chão
Esperança
Olhar na imensidão

Lágrima rompida
Que teima em cair
Marcando o vazio
Por não tê-la ali

Sonhos despedaçados
Alegrias mortas
Tristeza que queima
O andar da horas

Brilho no olho
Ao longe avistar
Aquela que se aproxima
E teima em chegar

E quanto mais perto
A conseguiu ver
Um novo sorriso
Se fez renascer

A filha que outrora
Deixou o seu lar
Estava de volta
Pronta para ficar

E aquela que antes
Teimava em chorar
Correu ao seu encontro
E a foi abraçar

Lágrimas trocadas
Por sorrisos sinceros
Amor de uma mãe
Saindo do inferno

Agora no céu
Dentro do abraço
Sentia-se viva
No tempo e no espaço.


deixe um recado | voltar

Karen Minatto

E-mail: kmeifler_adv@yahoo.com.br

Pageviews desde agosto de 2020: 1268

Site desenvolvido pela Plataforma Online de Formação de Escritores